Planeamento de um Website: 11 Elementos Fundamentais

 In Marketing & Comunicação
Apesar de cada empresa ter diferentes planos e objetivos para o seu website, existe um conjunto de regras comum que são transversais a todos os websites, se o objetivo é tirar o máximo retorno com quem interage com um website. Não importa o quanto original um website possa ser, existem alguns elementos que todos os websites devem reunir.

Desde o espaço “limpo” e imagens de qualidade, à funcionalidade de pesquisa e calls-to-action, estes elementos comuns são algo que os utilizadores esperam encontrar quando navegam num site. Aqui ficam alguns elementos que não devem menosprezar na planificação e desenvolvimento do seu site.

Espaço

O espaço é um dos mais importantes aspetos: ele determina tudo – desde a fluidez à legibilidade. Os websites estão agora a utilizar o espaço de forma bem diferente do que era feito há uma década. Cada vez mais sites incluem espaços vastos, maior distância entre o texto, e um uso generalizado de espaços livres.

As relações essenciais no espaço incluem consistência e espaçamento. Elementos similares devem conter espaços similares. O espaço entre linhas nos parágrafos deve ser o mesmo, bem como as margens envolventes das imagens.
O espaço é também importante no que toca à criação de pontos de destaque para os utilizadores. Uma imagem ou texto envolta em espaço vazio vai fazer com que pareça maior – ou de maior importância – do que aquele que seja remetido para um local mais “apertado”.
É também importante realçar que o espaço não é sempre branco. Espaço refere-se à falta de elementos, e pode também ser um fundo colorido ou uma textura.

Como usar: comece com elementos chave como os menus de navegação, por exemplo. Assegure-se de que os elementos estão organizados de uma forma que inclua espaço pré-definido entre os elementos. Isto fará com que cada elemento se destaque de forma mais clara por si próprio.

Navegação Simples

A navegação não tem de ser (nem deve ser) complicada. Ela deve ser intuitiva. É também importante manter os menus de navegação “em mínimos”, para não “esmagar” os utilizadores. Dependendo do tipo de site, algo entre 5 a 10 itens no menu de navegação será o número ideal.
A navegação também inclui ferramentas que ajudam os utilizadores a navegar através do site. Os sites com parallax scrolling (tipo de animação que implica uma sobreposição de imagens), por exemplo, incluem frequentemente setas direcionais para fazer o site mais user friendly. Quanto mais fácil for para o utilizador navegar no site, mais tempo ele estará a interagir com ele.

Como usar: encare a navegação simples como a base para o planeamento do seu website. É importante lembrar os utilizadores de alguns aspetos chave enquanto estes interagem com o site: onde é que eles estão (no site), uma forma de voltar para trás (ou para a homepage), e indicações direcionais (se o site tiver um interface original ou mais complexo).

website-3

Sobre Nós

É especialmente importante para um pequeno negócio ou proprietário de um website dizer aos utilizadores quem são (este aspeto é menos relevante para empresas grandes, apesar de ser uma prática corrente).
A secção “Sobre Nós” deve dizer aos utilizadores onde está e o que faz. Ela pode conter princípios da empresa, objetivos, ou qual a razão de ser do site/empresa. Esta página pode ser também o lugar para o cliente ou utilizador colocar opiniões/testemunhos e casos de sucesso. O “Sobre Nós” pode também servir como canal para páginas relacionadas ou perfis de Redes Sociais.

O principal problema que ocorre nesta secção é que muitas vezes esta fica muito longa e cheia de texto. Manter a página simples é fundamental: dê ao utilizador apenas a informação suficiente para ele se interessar, mas não se aborrecer. E lembre-se de manter o design apelativo.

Como usar: pode aproveitar para usar o “Sobre Nós” para humanizar a marca. Caso se justifique, considere usar uma linguagem mais descontraída, incluir fotos do local ou dos membros da equipa.

Contactos

A Informação de contacto aparece normalmente em uma destas duas formas: no “header” (topo da página), ou como “Contactos” no menu de navegação. Qualquer destas formas pode funcionar bem, dependendo do design do site.
O importante é manter este item altamente visível. Ter informação de contacto como o telefone, morada, ou um formulário de contacto acrescenta legitimidade ao seu site e negócio. É muito frustrante para os utilizadores quererem encontrar uma forma de contacto e terem dificuldade neste processo.

Como usar: adicione informação de contacto a todos os “headers” estáticos e/ou footers (rodapé). Se tem uma morada, inclua a respetiva informação de localização. Equacione incluir um formulário de contacto para os utilizadores poderem enviar emails diretamente a partir do website.

Call-To-Action

Muitas vezes, um website é um caminho para uma determinada ação – efetuar uma venda, providenciar informação, reunir informações de potenciais clientes, etc. Para atingir estes objetivos eficientemente, os “call-to-action” devem ser diretos e fortes.

Primeiro, é necessário determinar o que é suposto o website ser e fazer. Depois, o desenho da plataforma tem que tornar estes objetivos óbvios, para que os utilizadores o sigam. Técnicas como a cor, contraste e espaço podem ajudar a levar os utilizadores para os botões “certos”.

Como usar: torne os call-to-action óbvios. Os CTA devem ser clocados em zonas altamente visíveis e próximo do item que lhe está relacionado. Os botões devem ser de uma cor contrastante e dizer exatamente aquilo que fazem: Compre Já, Subscreva, Download, Consulte Aqui, etc.

Pesquisa

Quantas vezes já procurou por informação antiga ou que se lembra de ver num site conhecido? Esta ferramente é muito importante para utilizadores antigos de um website. Coloque a caixa de pesquisa num local de menor destaque mas de fácil acesso e uso. A caixa deve ter tamanho suficiente para escrever termos comuns do website.

Como Usar: desenhe uma caixa simples no topo do website para pesquisa. O topo direito é a localização mais popular, por isso, usar este local torna mais fácil e expectável aos olhos dos utilizadores.

website-2

Footer (Rodapé)

O footer é a forma de interagir com o seu público, com um conjunto de informações não prioritárias mas de interesse para a sua empresa/negócio/website. Por estar no final das páginas, é o local lógico para o mapa do site, informação de contacto ou da empresa, links para as Redes Sociais, etc.
Torne o footer um local de informação útil e simples. Quer opte por alguns botões ou texto, o footer deve ser desenhado para se “entrosar” com o resto do website, mas pode ser muito mais minimalista. Torne-o fácil de usar.

Como usar: alguns dos melhores rodapés combinam muitos dos elementos apresentados acima no site. O rodapé é muitas vezes uma repetição dos elementos encontrados em outros locais (como a caixa de pesquisa ou contactos).

Botões

Todos os botões do site devem ser reconhecidos como tal. Devem ter formas identificáveis, efeitos iguais e serem enquadráveis na proporção e localização. Criar um conjunto distinto de botões pode ser uma terfa díficil para sites com muitos items clicáveis. Considere usar um guia de estilos para criar um consistente conjunto de elementos.

Como usar: desenvolva um conjunto de botões únicos para o website, criando um tema e conjunto de cores consistente.

(Grandes) Imagens

As pessoas adoram ver movimento e coisas em ação. Adicione imagens poderosas ao website para atrair utilizadores. Imagens ou ilustrações de qualidade são uma forma fácil de o conseguir. Com um conjunto relativamente pequeno de fotografias, pode mostrar produtos, pessoas, etc. para atrair utilizadores para o seu site. Porém, tenha cuidado no conteúdo e quantidade de imagens, sob pena confundir ou desviar demasiado a atenção do utilizador, pondo em causa os objetivos do website.

Como usar: se possível, recorra a um fotógrafo ou ilustrador para desenvolver e criar um excelente conjunto de imagens para o website. Preferir imagens próprias em detrimento de imagens de “stock” levará a uma experiência visual única e diferenciada.

Web Fonts (Tipos de Letra para a Web)

Há algum tempo atrás, a internet estava condenada ao uso de uma dezena de tipos de letra – como por exemplo a Arial – porque eram as únicas legíveis pela maioria dos computadores e browsers. Mas isso já não é uma limitação atualmente. As fontes web continuam a ser importantes por dois aspetos chave: compatibilidade e licença.

Como usar: um serviço como o Google Web Fonts é ideal: é gratuito e permite implementar um conjunto de tipos de letra atrativos e interessantes no website sem ter de gastar uma dinheiro em licenças ou preocupar-se com problemas de compatibilidade.

website-responsive

Responsive

O conceito “responsive” refere-se à adaptabilidade do website a diferentes dispositivos móveis (tablets, smartsphones, etc.). Este é um aspeto cada vez mais crucial num website. O acesso à web a partir destes dispositivos móveis é cada vez maior, pelo que a apresentação e usabilidade de um site num tablet ou smarphone tem hoje a mesma importância do que num desktop.

Como usar: não prescinda do uso desta tecnologia e faça inúmeros testes de adaptabilidade nas diferentes plataformas, para garantir que tudo está conforme. Pode ainda adaptar a estrutura ou criar estruturas próprias para aparecerem apenas em determinados dispositivos.

Leave a Comment

Start typing and press Enter to search