Vendas de alimentos online atingem os €43 mil milhões

 In Notícias

As vendas de alimentos online cresceram 15% no ano passado e irão valer 134 mil milhões de euros em 2025

O mercado global de vendas de alimentos online cresceu 15% nos últimos 12 meses, para atingir um valor de 43 mil milhões de euros, de acordo com a Kantar Worldpanel.

O grupo de consultoria descobriu que, enquanto o crescimento global do comércio eletrónico está estável, as vendas de alimentos online estão a registar um rápido crescimento.
Ainda que apenas um em cada quatro consumidores efetuam compras online atualmente, as vendas de alimentos através do comércio eletrónico deverão representar 9% do mercado, avaliado em 134 mil milhões, em 2025.

A liderar este crescimento digital está a Coreia do Sul, onde o mercado de FMCG online representa 16,6% das vendas totais, ao passo que a China assistiu ao maior crescimento dos últimos 12 meses, com 47%, trazendo as vendas online da FMGC para uma quota de 4.2% das vendas totais.
A Europa, EUA e América Latina têm rácios de adesão ao comércio eletrónico mais modestos, excetuando o Reino Unido (6.9% do mercado) e a França (5.3%).

Os desafios para entrar no mercado digital incluem tornar a entrega eficiente – com rapidez e portes grátis a configurarem-se como elementos chave para o sucesso – e assegurar que as vendas online não “roubam” às vendas offline, mas sim acrescentam.

“Apesar das vendas online terem o potencial de canibalizar as vendas nas lojas, é vital que os vendedores ajam rapidamente para desenvolverem uma forte presença online”, afirma Stéphane Roger, diretor da Kantar Worldpanel. “As primeiras empresas que se apresentarem no comércio online irão usufruir de uma fatia de mercado maior – esta rapidez pode significar a diferença entre mais 40% de vendas em França e até três vezes mais no Reino Unido.”

Os resultados do relatório “O Futuro do Comércio Eletrónico no FMCG” basearam-se no rastreamento de compras de mais de 500.000 consumidores nos três continentes. Europa, América e Ásia.

Fonte: Fruitnet.

Showing 5 comments
  • Deolinda Alberto

    A OIKOS está a implementar uma plataforma de venda online – a smartfarmer.pt
    Penso que todas as adesões serão bem vindas.

  • Ricardo Pinto

    Sou um pequeno produtor de mirtilos e gostaria de saber mais informacao relativamente às plataformas de vendas on-line.

  • Marketing Agrícola

    Caro Silva Pereira,

    Poderá encontrar a comercialização de alimentos nestas duas plataformas: mapo.pt | https://prodfarmer.com

  • Silva Pereira

    Agradecia informação sobre as plataformas online de venda de produtos agrícolas em Portugal.
    Antecipadamente grato pela informação.
    Cumprimentos,
    Silva Pereira

  • José Alberto Seara

    Penso que o futuro próximo passará por aí.
    Como posso informar -me melhor de como iniciar um processo destes em Portugal.
    Que tipo de informação me pode fornecer.

    Muito obrigado,
    Cumprimentos
    José Seara

Leave a Comment

Start typing and press Enter to search

UE aumenta produção de carnes de ave e bovinoKiwi vermelho cada vez mais próximo de chegar ao mercado